Deputado Estadual Antonio Mentor 13199 é MAIS

Polícia vai investigar assessor que acusou PT de distribuir CDs

Atendendo a requerimento do dirigente do Partido dos Trabalhadores de Americana, Pedro Álvaro Salvador, o delegado Alfredo Luiz Ondas determinou abertura de inquérito policial para investigar falsa comunicação de crime supostamente cometida pelo assessor adjunto da Secretaria de Obras da prefeitura de Americana, Cláudio Henrique da Costa Neto.
Em 31 de outubro do ano passado, o assessor Cláudio comunicou ao delegado de polícia que teria recebido, das mãos do ex-vereador petista Pedro Salvador, um CD contendo paródia musical que fazia alusões ao prefeito Diego De Nadai.
Salvador afirma que a acusação feita pelo servidor municipal é falsa e foi produzida artificialmente, com o único propósito de utilização do boletim de ocorrência para fundamentar uma ação de busca e apreensão, que culminou com a devassa ocorrida no escritório político que o deputado estadual Antonio Mentor mantém em Americana, na rua José Ferreira Aranha.
Cláudio é comissionado da prefeitura, mas figura no boletim de ocorrência como “assessor parlamentar”. Ele não chegou a ser ouvido pela polícia, na ocasião, e nem as testemunhas por ele indicadas no BO. Apesar disso, o juiz Marcelo da Cunha Bergo, da 2ª Vara Cível da comarca de Americana, determinou a busca e apreensão contra o PT.
Mentor já havia encaminhado petição denunciando que a devassa em seu gabinete ocorreu porque o autor da ação, o prefeito Diego De Nadai, induziu o juiz em erro ao informar o endereço do escritório político do deputado como sendo o da sede do Partido dos Trabalhadores, único réu no processo.
O juiz, até o momento, não adotou medidas em relação à conduta do prefeito, que Mentor acusa de ter agido de má-fé. O deputado aguarda definições para que possa ajuizar ação indenizatória contra Diego por abuso de direito e violação de prerrogativas parlamentares.
“Os deputados gozam de inviolabilidade parlamentar, que visa a proteção não apenas da sua pessoa, mas também do lugar em que exercem sua função pública, onde guardam os documentos e realizam as tarefas necessárias à construção de suas opiniões, palavras e votos, conforme determina a Constituição Federal”, afirma Antonio Mentor.

 

Logotipo

Redes Sociais

Twitter Facebook

© 2014 Copyright
Candidatura de Antonio Mentor
Todos os direitos reservados